Decoração minimalista: onde o menos é mais

Para muitos, a decoração minimalista é considerada um estilo de vida. Os apreciadores desse cenário usam suas casas como refúgio da rotina diária, organizando-as muito bem. Todos os elementos usados têm seu lugar, e quando não estão sendo utilizados devem estar guardados.

A estética está diretamente ligada a funcionalidade, com janelas lisas, rodapés planos, chão feito de material resistente, entre outras.  O preto e o branco são as cores que mais se encaixam no estilo. Outros tons podem ser usados em pequenas quantidades, em coloração mais clara.

Móveis

Caracterizada pela simplificação da forma, a proposta minimalista prevê que os móveis sejam compactos, multifuncionais e eficientes. Geralmente possuem linhas retas, confeccionadas de vidro, acrílico, aço inoxidável ou madeira.

Puxadores estão ausentes de portas, armários ou gavetas, funcionando pelo sistema de click-clack ou de correr. As prateleiras preferencialmente são fechadas, e quando abertas poucos objetos ficam em cima.

Os electrodomésticos e equipamentos também assumem o papel de obra de arte. Abajures e luzes artificiais ficam embutidos para a intensidade do brilho ser regulada. A luz solar deve ser aproveitada ao máximo. Os tapetes são lisos e suaves, reservados para quartos e banheiros.

Materiais

É importante ter cautela nos materiais utilizados. Madeira, vidro, inox, cromado, espelho, pele, mármore e granito são os mais apropriados para este estilo de decoração.

No piso podem ser usados madeira, linóleo, betão, pedra ou ladrilho natural. As paredes ficam como estão, com um ou dois quadros pendurados. Plantas, jarras, ramos de árvores ou orquídeas em flor são importantes para dar vida ao ambiente.

Origem

Durante a Segunda Guerra Mundial, as pessoas perderam tudo ou quase tudo o que tinham. Foi então que precisaram se virar com o que possuiam, decorando os ambientes dos lares com apenas o essencial, dando origem ao estilo de decoração. O lema dos minimalistas é o “menos é mais”, com base na preservação do espaço e difusão da luz natural.

 

Nenhum Comentário      Tags: